«Cada ratinha tem o seu mistério e desvendar uma não quer dizer que percebemos o mistério total», Puchkine, Diário Secreto
quarta-feira, novembro 30, 2005,12:09 da tarde
Boas notícias
O mundo editorial celebra hoje um dia de grande euforia ao se celebrarem os 70 anos da morte de Fernando Pessoa e a consequente perda de direitos de autor por parte da Assírio e Alvim.
Espera-se agora uma verdadeira explosão de edições que teram que apresentarão os mais diversos formatos e introduções.
Confesso que até eu, no mais profundo dos meus desejos e sonhos até o espero vir a publicar, nem que seja neste blog.
E é já.

Sou um guardador de rebanhos.
O rebanho é os meus pensamentos
E os meus pensamentos são todos sensações.
Penso com os olhos e com os ouvidos
E com as mãos e os pés
E com o nariz e a boca.
Pensar numa flor é vê-la e cheirá-la
E comer um fruto é saber-lhe o sentido.
Por isso quando num dia de calor
Me sinto triste de gozá-lo tanto,
E me deito ao comprido na erva,
E fecho os olhos quentes,
Sinto todo o meu corpo deitado na realidade,
Sei da verdade e sou feliz.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 28 comments
,9:21 da manhã
Oscar Wilde
Por muito que tenha procurado nos mais diversos manuais do bem escrever (incluindo os livros do Lobo Antunes), não consigo encontrar palavras para descrever o prazer e satisfação enormes que sinto em iniciar o dia com Lapsang Souchong.
Como escreveu um dia Oscar Wilde e agora está impresso na minha caneca matinal:
Only dull people are brilliant at breakfast

Bom dia a todos
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
terça-feira, novembro 29, 2005,1:29 da tarde
Só por acaso...
Não haverá, hipoteticamente, por aí algum leitor que tenha 500.000 euros (vulgos 100 mil contos) para eu poder comprar um T3 na Duque d'Ávila?
Apresentando desde já o meu sincero agradecimento, regresso à real comédia da política nacional sob a interpretação rigorosa de Beckett.
Um grande Bem Haja a todos
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 2 comments
segunda-feira, novembro 28, 2005,9:24 da manhã
Vicissitudes da vida laboral
Já com a Feira do Livro a grande nível, descubro que alguém já tinha comprado a única edição disponível do livro infantil do Aldous Huxley.
Fazendo uso da minha posição de trabalhador, chego ao pé de quem estava de fascina na sempre difícil noite de abertura e digo:
- Ouve lá, pá! Quem é que foi o besouro que me roubou o livro do Huxley? Tenho que me passar ou quê? Hum?
- Fui eu - responde-me a directora da biblioteca e minha coordenadora de estágio com um leve sorriso.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,9:17 da manhã
Vicissitudes da vida comunitária
Depois de o anteriormente referido fim de semana do qual haveria tanta coisa a dizer e que não disse, chego a casa.
A expressão "Home sweet home" desvaneceu-se assim que entrei, pois deparei-me com uma das minhas comparsas em plena actividade sexual de cariz oral no sofá.
Depois de um almejado banho, deparo-me com uma cozinha que me metia nojo, asco, zebedrius...
Fujo a fim de ir ver o SLB num sítio onde não me sinta enojado e empatamos contra o Belenenses.
Neste início de semana que se antevê desde já muito, muito longa...
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
domingo, novembro 27, 2005,5:17 da tarde
Fim de semana em Lisboa...
A fim de me pôr a par das novidades da nossa estimada capital e de pôr cobro à quase sempre funesta demanda das compras de natal, lá fui.
Alojado numa residencial que a todo o momento anunciava ruir ali para a zona de Picoas, parti rumo aos sítios do costume, para as coisas do costume: cinema no inevitável Monumental ( Crime do Padre Amaro e Harry Potter), FNAC Chiado, Supermercado do Corte Inglès (sempre recheado dos pequenos prazeres da vida como um bom vinho e chás) e por aí adiante...
Conclusões:
- Gosto cada vez mais de sítios onde não há dreads
- Gosto cada vez menos de ser servido por brasileiros com os quais se estabelecem graves problemas de comunicação. Ou eu não os percebo ou eles não me percebem a mim.
Abençoada seja a representação da Lusofonia na nossa capital.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
sexta-feira, novembro 25, 2005,1:14 da tarde
Foi há precisamente um ano...

A Estreia

Um blog. Porque não o Relógio?
Que título pôr?
Porque não pôr título? Ou porque sim? Ou porquê este título?
A mesma questão se levanta e continuará a levantar ao longo de futuros posts. Ou não.
A pressão de ser o primeiro a escrever é imensa.
O Mário Delgado que me vai deliciando a partir da aparelhagem ao meu lado também não ajuda.
Além do mais, está mais ou menos sol. E toda a gente vai ler este post.
E se calahr, eventualmente, comentar.
E reparar que cometi uma gralha ao escrever calahr.

Estreia 1.2

Pois é, foi uma escolha difícil e ponderada. Muito influenciada pela orgia-jogo da cadeira protagonizada pelos quadrados que controlam o rectângulo. Mas enfim...
Neste blog escrevem duas pessoas, como se pode constatar. Estas duas pessoas muito dificilmente escreverão alguma coisa aproveitável, sendo unicamente possível prometer desvarios inconsequentes, úteis, contudo, para chegar à Verdade. Debateremos ideias, é certo. Mas num tempo em que não há ideias. Penso. Penso?


Tal como se pode ver, pouco ou nada terá mudado neste ano, mais cousa, menos cousa...
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
quinta-feira, novembro 24, 2005,8:49 da tarde
Imaginem quem...
Depois de ter usado a expressão "chico-espertismo" para se referir à maneira como se tinha edificado o turismo nacional, hoje brindou-nos com um "fundo da gaveta" em relação à justiça.
O senhor em causa, almeja alcançar o prestígio e o esplendor de um Gabriel Alves.
Assim seja.
Boa noite.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 1 comments
,1:26 da tarde
Mesmo na véspera
É na véspera do início da XXI Feira do Livro de Grândola e com o risco de vir a tornar este blog numa extensão inconsciente do Acontece, que aqui deixo o programa assim como um convite humilde e honesto (HH) a todos os leitores destas páginas cibernéticas.

25 de Novembro
21h - Abertura da Feira

26
15h Oficina de Ilustração com Marta Torrão
18h Clara Pinto Correia apresenta o seu novo livro e fala da experiência de ter sido tia da Marisa Cruz
21h Cinema: Os Irmãos Grimm

29
21h30 Camões é um poeta RAP - Arte Pública

30
20h Jantar Literário "Almeida Garrett"
Restaurante A Talha

1 Dezembro
15h Dulcineia
Valdevinos

3
15h Oficina das Estórias que pedem música
Klassikus
21h Irmãos Dalton

Bem , tentei ser o mais minimalista possível e aproveito par ainformar que a feira terá aquilo que todas as outras têm: livros para vender.
O local de todas as actividades é mesmo a biblioteca, à excepção dos que não são.
Um grande bem haja e sorte e Neno
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
quarta-feira, novembro 23, 2005,2:24 da tarde
A não perder

Tendo apenas descoberto que o barroco afinal não era assim tão tenebroso como julgava ser graças a um dos senhores aí da esquerda, sinto-me na obrigação puritana de promover esta actividade.
Pois.
Já agora podem aproveitar a oportunidade para se surpreenderem, uma vez que a entrada é livre.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 1 comments
,1:56 da tarde
Já chegou o Natal
Embora para mim a época Natalícia só comece lá para Dezembro e quando as Escrituras assim o permitem, tenho que me resignar às evidências: para além do domínio dos anúncios de brinquedos infantis na televisão, incluindo o inevitável regresso da Leopoldina, já há luzes natalícias um pouco por todas as lusas povoações.
Assim seja, Bom Natal a todos...

PS- já agora, alguém me explica porque é que a carne encolhe e arroz crece quando cozinhados?
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 2 comments
,8:46 da manhã
Na terra de Cervantes

a modernidade chegaria sob a forma do betão.
Que sorte tenho eu de acordar e ver a Serra de Grândola dominada pela ermita da Senhora da Penha todos os dias logo pela manhã.
A todos os subrubanos, um muito Bom Dia!
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,8:39 da manhã
Presidenciais
Se eu fosse de esquerda se calhar até votava Manuel Alegre.
Mas como não sou...
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,8:37 da manhã
Há que ter medo
Quando se vai a uma reunião e pessoas às quais sempre ripostei com demonstrações do meu mais profundo desprezo, nunca adiantando nada da minha vida pessoal, sabem até um pouco mais do que a minha vida.
Há que ter medo.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
terça-feira, novembro 22, 2005,8:55 da manhã
Acordei de bom humor
De forma concisa não me privo de aqui deixar alguns dos pensamentos que me invadiram esta manhã em que acordei de bom humor:

- Quanto tempo mais aguentará Freitas do Amaral no governo depois das fortes críticas ao ídolo Socrático, Tony Blair e seus comparsas?

- A feira do Livro em Grândola partirá na próxima sexta-feira para a sua vigésima primeira edição, pelo que dentro em breve o programa estará aqui disponível

" Tu és o que fazes, fazes uma fracção do que és, consentes que uma pequena parte do teu ser se venha a fazer
- Isto sim, já é Beckett

Bom dia a todos!!!
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
domingo, novembro 20, 2005,4:14 da tarde
Imperdível
www.oquestrada.com

As músicas tocarão automaticamente à medida que se explora o site.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,3:14 da tarde
Antes de nova viagem...
... surge sempre o mesmo drama:
Que fazer durante as longas três horas e meia de comboio que me esperam?
Sendo que, perderei uma meia hora a passear o meu cadáver pela Worten do Vasco da gama, uma vez que já fechou a Valentim de Carvalho, a fim de ver as novidades do panorama musical*, restam três horas dramáticas onde seguramente não conseguirei dormir graças a um qualquer brazuga que gritará em plenos pulmões o quanto odeia Portugal e enfim, o que me costuma acontecer.
Há a leitura, isso é um dado certo.
Sendo que o Tchekov não resistirá tamanha odisseia, junto a Actual e a Única.
Mas é preciso prevenir. A confiança que tenho na CP é... reduzida, no mínimo, pelo que convém ir prevenido. E segundo o ditado, já ficarei a pesar 130 kg (aproximadamente).
Murphy, se o Beckett te escreveu, serás a próxima vítima.
Eventualmente.
Mas a fim de me preparar, nada como ir lendo as crónicas do JPC, disponíveis num desses links aí à direita ( que belo trocadilho!!!).
Deixo-vos e até logo ou isso...


"Atenção, povo: parece que estar desempregado é motivo suficiente para queimar o carro do vizinho. Esta, pelo menos, é a tese do momento: jovens pobres/oprimidos/alienados (escolham vocês) resolveram aquecer as mãos em cinco mil viaturas nas duas últimas semanas. Razão tinha P.T. Barnum: nasce um otário a cada minuto"


* Por falar nisso, aproveito para recomendar Lambchop, que descobri na minha última visita à já saudosa Valentim acima referida
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,10:52 da manhã
Quem influenciou quem?
Popova - Isso, isso, vá-se embora... Para onde vai? Espere!... Não, vá-se embora. Meu Deus, que nervoso! Não se aproxime! Não se aproxime!

Embora seja um excerto tirado de Urso de Tchekov, lembrei-me de Beckett e do já quase desaparecido Irnerio ( o tal co-autor deste blog).
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 1 comments
,10:39 da manhã
Recordações de Tenerife

Depois de uma pequena mostra gastronómica, capaz de tornar luso o mais convicto espanhol, o "avuelo" contempla a paisagem que o viu nascer ainda antes da Guerra Civil à qual fugiu para a África então espanhola.
Como te hecho de menos muchacho...
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 2 comments
sábado, novembro 19, 2005,8:43 da tarde
No regresso a Santarém
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,8:19 da tarde
No país dos escândalos
Depois de algum tempo afastado dos telejornais, o Independente conseguiu voltar através do tema que fez a sua capa na passada sexta-feira e, claro está, é polémico em relação ao actual governo.
Esta louca euforia durou até hoje pois já saiu o Expresso e a notícia que aquece o telejornal de hoje é um pequeno escândalo em relação ao governo, pois claro.
Ainda bem que não saiem semanários de renome ao Domingo.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,3:49 da tarde
Acabou
Fica aqui anunciado em tom solene que ao fim de duas longas semanas, a minha relação com Ballester acabou numa viagem de comboio.
Triste e real.
Bruto e cruel.
Mas tudo tem um fim.
Segue-se Tchekov ou Tchekoff ou o que lhe quiserem chamar.
Don Juan já foi...
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
quarta-feira, novembro 16, 2005,11:31 da tarde
Lawrence Ferlinghetti
Constantly Risking Absurdity

Constantly risking absurdity
and death
whenever he performs
above the heads
of his audience
the poet like an acrobat
climbs on rime
to a high wire of his own making
and balancing on eyebeams
above a sea of faces
paces his way
to the other side of the day
performing entrachats
and sleight-of-foot tricks
and other high theatrics
and all without mistaking
any thing
for what it may not be
For he's the super realist
who must perforce perceive
taut truth
before the taking of each stance or step
in his supposed advance
toward that still higher perch
where Beauty stands and waits
with gravity
to start her death-defying leap
And he
a little charleychaplin man
who may or may not catch
her fair eternal form
spreadeagled in the empty air
of existence

 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,9:35 da tarde
Preciosidades
Comentadores portugueses no jogo dos Sub-21:
- O árbitro não viu.
- Viu, mas não assinalou.
Revelação de clara teoria da conspiração.

Sagres Bohemia
-Melhor que a preta e a normal
- Mantém, se bem que muito pequeno, o símbolo inicial de quando foi fundada,em 1940

Portugal sofre golo:
-Será que se Semedo tivesse cantado o hino nacional já teria sido capaz de cortar a bola?

Parabéns aos nossos Sub-21 que lá conseguem ir disputar o Europeu depois de um sofrimento absolutamente atroz
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,3:21 da tarde
Que bom!
Sentado na sala onde o sol está a bater, a beber um bom chá, a ler e a ouvir o concerto dos King of Convenience em Berlim.
A vida tem coisas boas...
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 2 comments
,1:55 da tarde
A ler Machado nestas terras alentejanas...
No breve intervalo para o almoço, reservo-me para ele:

Una noche de verano
—estaba abierto el balcón
y la puerta de mi casa—
la muerte en mi casa entró.
Se fue acercando a su lecho
—ni siquiera me miró—,
con unos dedos muy finos,
algo muy tenue rompió.
Silenciosa y sin mirarme,
la muerte otra vez pasó
delante de mí. ¿Qué has hecho?
La muerte no respondió.
Mi niña quedó tranquila,
dolido mi corazón,
¡Ay, lo que la muerte ha roto
era un hilo entre los dos!.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,12:25 da manhã
Enquanto me integro...
Bom blog que descobri como que por acaso.
Merece uma visita, ou mais.

http://tascadacultura.blogspot.com/
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
terça-feira, novembro 15, 2005,11:50 da tarde
Pedagogias a quanto obrigais...
Reunião de inglês com todos os responsáveis do projecto, i. e., um monte de pessoas que não percebe nada da coisa e que tem uma enorme sede de poder.
Conclusões:
Acusaram-me de ser demasiado exigente por os estar a ensinar o que o é pressuposto pelo ministério.
Propostas:
Pedagogias.
Resultado prático:
A partir deste momento deixarei de ter alunos à minha frente a quem tentava ensinar a fim de construir um melhor Portugal, para ter anormais e atrasados mentais. Assim serão tratados e abdicarei da minha condição de professor.
Serei também mais um anormal que se orgulha de entreter um conjunto de disfuncionaissem grandes preocupações.
Assim seja.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 2 comments
segunda-feira, novembro 14, 2005,8:59 da tarde
Não aguento
Embora tenha prometido a mim mesmo que não escreveria mais nenhum post hoje, numa daquelas decisões que nem eu consigo bem explicar, não consigo e ao ouvir Mário Soares dizer que na Europa todos o escutavam, limito-me a lançar um breve comentário inocente e isento de maldade:
Pelo menos na Europa ouvem-no. Ou pelo menos ele acredita que sim. E por vezes, acreditar é mais importante do que a verdade.
Assim o acredito eu.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 2 comments
,12:19 da tarde
No seguimento...
Mário Soares bebe um copo em Ponte da Barca, seguramente desafiado pelo fim de semana do sarrabulho e dança um vira para as câmaras de televisão enquanto tenta espicaçar um calmo Cavaco Silva que deve pensar na razão pela qual Manuel Alegre não foi o candidato do PS.
E assim acontece
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,12:15 da tarde
Ena, ena!!!
A Galp voltou a baixar o preço dos combustíveis, sendo que o gasóleo voltou a passar a barreira psicológica do Euro por litro. 0.999 é o seu actual preço.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 1 comments
,10:40 da manhã
Reflexões de um domingo à noite nesta segunda de manhã
Embora esteja um frio cortatnte por estas terras do Alentejo mais ou menos litoral, aqui ficam as reflexões sob a forma de profecia maligna...
Porque é que todos os candidatos de esquerda desvalorizaram as sondagens apresentadas pelo Expresso enquanto se congratulam pela descida de Cavaco Silva?

A segunda terá surgido apenas hoje de manhã durante uma daquelas reuniões que os professores têm que ter.
Merecemos o país que temos? Pois sim, ou pior. Começar no 1º ciclo a adiar e a tentar compreender as dificuldades em vez de as combater é digno de um atraso profundo ao qual estamos condenados e cada vez mais comprometidos.
Isto para início de semana não está nada famoso...
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
sexta-feira, novembro 11, 2005,6:19 da tarde
Novidade
Um pouco à semelhança do Irnerio, Relógio ou lá o que for, criei um blog paralelo onde vos proponho um pouco do meu projecto pessoal em prosa que resultará numa prenda para a Raquel.
O link já aí está ao lado no meu paralelo
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,5:43 da tarde
Independência de Angola
Celebram-se hoje os trinta anos da independência de Angola.
Quem diria quetrinta anos depois haveria tanta morte e tantos emigrantes?
Viva Angola, viva África!
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,4:14 da tarde
25 anos
Que será que é preciso fazer para se levar 25 anos neste país?
Esta tem sido uma questão que me tem assaltado imensas vezes, mas é agora mais insistente ao se saber da resolução do caso Joana. Tortura, morte e esconder um corpo dá direito a 20 anos.
Se calhar a solução estara mesmo no adquirir o novo cartão no Benfica e a seguir ser visto com um cachecol do Sporting no Estádio do Dragão a apoiar o Varzim.
Isto sim, seguramente que conduzirá qualquer um aos almejados 25 anos de prisão. Ou se calhar ver a RTP memória durante mais de três horas, exceptuando os dias de ressaca.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 1 comments
,11:57 da manhã
Com medo de ser racista
Depois de duas horas e meia à espera em plena casa do Povo (gloriosas instituições essas que foram criadas... poupo-vos do resto), juntamente com muita e muita gente desempregada que não quer trabalhar no que os outros também não querem (irão, pois, continuar desempregadas).
Mas ia dizendo que depois da desesperante espera em que devorei o Arco de Sant'Anna, fui atendido por um senhor de cor que me disse que já tinha tudo preparado para começar o meu estágio, mas que por não haver verbas iria pois ficar adiado para inícios de Dezembro.
Acordei hoje com uma chamada da minha futura entidade empregadora a dizer que o senhor se tinha baralhado um pouco e que começava já segunda feira.
Conclusão:
Será que a devo mesmo escrever?
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
quarta-feira, novembro 09, 2005,9:29 da manhã
Mais uma manhã\em mais um dia
Acordo e perante o longo dia que me espera, resumo-me à audição irregular do último álbum dos Franz Ferdinand.
Mais tarde, já com um pouco de paz de espírito, talvez vá ver o projecto paralelo do coautor e fundador deste blog.
Aí sim, estarei preparado para me afogar em mágoas existenciais e talvez até vá ler Sartre ou ver os programas da TVI.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 1 comments
,4:23 da manhã
Curta mas insuportável comunicação do co-autor
Pois cá estou. Apesar de aparentemente pouco presente, o meu espírito de co-autor deste blog, dedicado às fabulosas loiras de seios fartos e ainda por cima amadoras, é irredutível. Acabei de descobrir que afinal é um orgulho fazer parte de semelhante órgão de comunicação e, nesse sentido, anuncio o meu regresso. Para quando, não sei. Mas creio que está prestes. Se me apetecer, claro. Entretanto vão espreitando o meu projecto paralelo
A EXAGERADAMENTE VARIADA PALETE DE CORES UTILIZADA NESTE POST TEM COMO OBJECTIVO IRRITAR PROFUNDAMENTE O LEITOR. ESPERO TER CONSEGUIDO ATINGIR OS MEUS ESQUIZOFRÉNICOS INTENTOS. O TAMANHO DA LETRA TAMBÉM MERECEU ALGUMA PONDERAÇÃO, ACABANDO POR CONCLUIR QUE ASSIM, PEQUENO, TAMBÉM IRRITA MAIS.
 
posted by Irnerio
Permalink ¤ 1 comments
terça-feira, novembro 08, 2005,8:02 da tarde
Já me ia esquecendo
Há coisas que sempre vale a pena partilhar:
Visão de 3 de Novembro.
2 entrevistas.
Mário Soares irrita-se com jornalista duas vezes ao não saber responder a questões colocadas e ataca Cavaco dentro da dualidade que sempre os dividiu enquanto líderes políticos, como se a realidade ainda fosse essa.
Jornalista trata Saramago por tu. Ou foi requisito dele, ou não sei.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,7:58 da tarde
Busca-se
Sabe-se por que se sabe que se disse, que se busca co-autor de blog, desaprecido desde o Verão.
Esperam-se notícias
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,7:40 da tarde
Pois claro
A violência que se tem vindo a registar em França, já começou a surgir noutros países europeus, nomeadamente a Alemanha e a Bélgica.
Se bem que a Europa vá caminhando alegremente para uma situação bastante semelhante à situação americana, onde os pobres negros, excluídos socialmente durante séculos, têm agora o direito de se expressar livremente (tal como defendeu o nosso presidente da República).
Claro está que estamos perante um gap cultural:
Para os normais europeus, livre expressão incluí jornais, debates televisivos, discussões de café ou até memso blogs. Para este tipo de minorias étnicas livre expressão é violência.
Enfim,o mais importante é memso saber que a Chicco tem um carrinho de bébé que afinal não é assim tão bom...
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
domingo, novembro 06, 2005,12:02 da tarde
Manhã de domingo
Acordo numa difícil manhã de domingo, e ao ouvir as Biografias de Amor do Sérgio Godinho, lembro-me de uma aluna que me pergunta insistentemente como se diz fezes:
Excrements, penso eu agora enquanto leio despreocupadamente o artigo do Lobo Antunes da última Visão.
Ao dar a primeira tragada no chá que irá devolver o meu corpo à vida, todos os meus pensamentos se desvanecem num só:
Falta açúcar
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 1 comments
sábado, novembro 05, 2005,7:51 da tarde
Já agora...
Expressão de Lodge em Paradise News, referindo-se a uma teoria interpretativa do turismo:
"Post-Marxist Marxism"
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,7:42 da tarde
Pois
Já acabei o Lodge numa semana conturbada, cheia de futebol, violência nos subúrbios de Paris e a minha estreia a comer cabeça de xara.
O Braga acabou agora de sofrer a primeira derrota onde muitos outros também perderão, lá por terras do Alberto João.
Mas, no meio disto tudo, há uma importante questão:
Como é que um gajo de direita como eu, gosta de música de esquerda?
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
quinta-feira, novembro 03, 2005,6:33 da tarde
E um gajo ainda é racista
Os subúrbios a norte de Paris estão a ser invadidos por uma onda impar de violência onde largos grupos de minorias étnicas atacam a polícia e qualquer coisa que valha a pena partir por igual, revelando o seu espírito comunitário.
Tudo começou porque dois jovens se resolveram esconder dentro de uma caixa de alta tensão enquanto fugiam da polícia depois de um furto.
Claro está que aqui a culpa é inteiramente da polícia que não tem nada que perseguir quem é criminoso e bandido.
A família dos dois moços já foi recebida pelo presidente Jacques Chirac e claro está que tal afronta só poderia resultar em mais violência.
Se Portugal continuar a rota do desenvolvimento e evolução que tem demonstrado, já não faltará muito para também acontecer por estas bandas.
Um grande bem haja e haja fé na evolução.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
quarta-feira, novembro 02, 2005,10:25 da manhã
Pedido de ajuda
Preciso de escritores portugueses que façam referência a comida...
Aceitam-se sugestões
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,10:15 da manhã
Alice
Como não podia deixar de ser, voltei a sucumbir aos prazeres mediáticos e não resisti a ir ver Alice, o tal filme português que até ganhou prémio em Cannes.
Pois lá está que mesmo que os franceses já tenham aprendido a fazer cinema depois das experiências surreias e psicadélicas de Godard (só mocado é que se consegue apreciar realmente um filme dele), os portugueses não.
A nível da fotografia é bom, a nível da representação há quem diga que é um trabalho genial, mas falta essência ao filme. As ideias levam demasiado tempo a serem exposta, como que chamando energúmeno ao leitor, dando-lhe tempo para reflectir sobre imensas coisas, que vão desde o típico "Será que fechei a torneira do lava loiças ao sair de casa" até ao mais complexo "Qual será o resultado do FCP hoje à noite" e por aí adiante.
Confesso que terei ficado seriamente ofendido ao saber que os impostos que ainda não pago, se dedicam a estas actividades.
Enfim, qual é que será o resultado do SLB hoje à noite?
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments
,10:13 da manhã
Serei??
Serei só eu que gosto mais de ver os trailers depois de vistos os filmes???
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤ 0 comments