«Cada ratinha tem o seu mistério e desvendar uma não quer dizer que percebemos o mistério total», Puchkine, Diário Secreto
quarta-feira, junho 28, 2006,11:24 da manhã
Machão
Se há coisa que acho que não sou é machão. Pior do que achar que não sou, é ter a quase total certeza de que não o consigo ser.
Hoje levantei-me a horas pouco próprias (claro está que o meu corpo acusa ainda esta loucura matinal com um sono tremendo e medonho) para ir pôr o carro na oficina. Aquando da fatal pergunta de qual era o problema, respondi com um "são as luzinhas".
Claro está que a resposta que dei fez estrondoso eco no sorriso escarninho de um verdadeiro machão manchado de óleo até às orelhas logo às oito da manhã. A parte positiva é que ele me identificou logo o tipo de cliente que tinha à frente e respondendo-me um não menos cínico "vamos lá ver essas luzinhas", me levou o carro sem apelo nem agravo, deixando-me a sós com a burocracia.
O meu principal problema é que nem com a burocracia me consigo entender e lá me dediquei a esperar o tempo que achei necessário até me recambiarem de volta a casa. A pé.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤