«Cada ratinha tem o seu mistério e desvendar uma não quer dizer que percebemos o mistério total», Puchkine, Diário Secreto
quinta-feira, agosto 17, 2006,9:32 da manhã
So what?
Grass confessou ontem ter pertencido a um desses movimentos juvenis de cariz nazi. E logo ele, dir-me-ão os acérrimos leitores da sua obra, já que eu só li o Meu século e comprei A Ratazana a fim de um destes dias ganhar coragem para a ler.
Mas enfim...
A condenação imediata que se fez não me espanta, mas choca-me. Mais uma vez os puritanos sobem ao de cima, manifestando um tenebroso pudor. Embora a questão que devesse levantar fosse um porquê?, não o farei. Está implícita. Talvez o Roth o faça na quase perfeição.
Confesso que quase prefiro ir viver para um qualquer país de fora do mundo ocidental para não ter que aturar isto.
Para bem da humanidade, levaria toda essa maltosa da esquerda compreensiva que está a azucrinar o sistema todo.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤