«Cada ratinha tem o seu mistério e desvendar uma não quer dizer que percebemos o mistério total», Puchkine, Diário Secreto
terça-feira, setembro 05, 2006,11:18 da manhã
Leio Jorge de Sena e não consigo gostar. Juro que me esforcei, que dei tudo por tudo, quase um litro de suor intelectual, mas os traumas dos seus prefácios às mais variadas obras por ele traduzidas e, ainda pior, à leitura de O Físico Prodigioso.
Senhoras e senhores, é oficial: não consigo gostar de Jorge de Sena.
Espero sensatamente que a idade me traga um pouco de discernimento.
Assim seja.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤