«Cada ratinha tem o seu mistério e desvendar uma não quer dizer que percebemos o mistério total», Puchkine, Diário Secreto
quarta-feira, janeiro 03, 2007,2:37 da tarde
Isto há coisas
Andei a duvidar se haveria de ler o Nietsche ou o Freud.
Aconselhado pelo Gonçalo, optei pelo Nietszche, até porque li umas coisas dele quando estive com amigdalite e até que nem me lembro de nada por causa dos antibióticos. Estas pareceram-me razões mais do que suficientes para tomar a decisão que tomei.
Mas agora ao saber disto, quase que me arrependo.


PS- Ah, afinal o livro era relativo a Schopenhauer (ou qualquer coisa assim. Não quero saber como se escreve correctamente, estou deprimido e com uma perspectiva pessimista do mundo e da vida), mas o que interessa é que a ideia anterior até é capaz de ter tido alguma piada e que isto é capaz de ser moda para pegar, porque no catálogo da Saída de Emergência há um com não sei quê do Rasputine.
Vou pensar numa piada e guardá-la só para mim.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤