«Cada ratinha tem o seu mistério e desvendar uma não quer dizer que percebemos o mistério total», Puchkine, Diário Secreto
domingo, janeiro 07, 2007,11:56 da manhã
Suspeições ou elações de um recital

Depois de dois recitais em duas noites seguidas, acho que começo finalmente a perceber o significado que o Bukowski terá dado ao seu poema Style.
Esta brilhante dedução surgiu depois de um aplicado estudo comportamental das reacções das pessoas aos poemas. Assim descobri que mais importante do que os poemas, é a nossa postura em relação aos mesmos que impressiona verdadeiramente as pessoas.
Dar a acreditar que o Boris Vian é bom, ler um dístico do Gastão Cruz e quesitonar como é possível haver quem ainda compre livros de poesia onde surgem poemas daquela dimensão, ler um bilhete de expresso ou até mesmo adaptar o FMI ao local e às pessoas que estão à nossa frente, funcionam muito mais do que ler poesia realmente boa.
Para o Gonçalo (o rapaz sacrificado com a foto), aqui fica o meu apreço pela sua postura e crer.
 
posted by magnuspetrus
Permalink ¤